Quem Somos

Nossa História

Processos e metodologias adequados ao cenário realista dos negócios de alimentação, com foco em resultados efetivos diante das nuances de mercado. Essa é a proposta do Instituto de Desenvolvimento das Empresas de Alimentação – Instituto Ideal – que por meio das consultorias, capacitações, promoção e disseminação de conteúdos técnicos leva aos negócios apontamentos cruciais para o desenvolvimento sustentável das empresas alimentícias.

É falar de mão na massa com quem realmente vive as rotinas das empresas do setor e conhece as potencialidades gerenciais, carências e necessidades operacionais do segmento e de seus participantes.

Emerson Amaral

A metodologia do Instituto Ideal é baseada na vivência prática de seu idealizador, Emerson Amaral, administrador, especialista em Gestão Empresarial e com mais de 20 mil horas de consultoria em empresas por todo país. Os anos de participação no negócio familiar foram o início da carreira de empresário. A princípio, enxergava em sua empresa desafios e nichos de expansão, mas a necessidade cotidiana impulsionou a busca sobre como superar as dificuldades e implantar os processos de forma adequada a realidade do mercado. Diante dessa demanda interna, em seu próprio empreendimento, se especializou em tornar a consultoria mais que um direcionamento técnico, mas uma experiência realista, eficaz e duradoura.

Aprimorou-se em consultoria estratégica para o setor de alimentação, com expertise em supermercados, bares, restaurantes, panificação, confeitarias e cafeterias. Dentre as experiências e clientes com trabalho realizado, elenca-se os 15 anos como gestor do Instituto Tecnológico da Alimentação, Panificação e Confeitaria (ITPC); cogestão de três convênios com o Sebrae Nacional nos últimos dez anos; atendimento e nomeação como membro da diretoria da Associação Brasileira da Indústria de Panificação e Confeitaria (ABIP); posto de consultor estratégico do Programa de Apoio a Panificação (Propan); capacitações, consultorias e treinamentos aos Sebrae’s estaduais, Sindicato das Indústrias de Alimentação de Brasília (SIAB), Associação Goiana de Supermercados (AGOS), e a empresas de expressividade setorial como Emulzint, Puratos, Bunge, Moinho Dias Branco, Bralyx, Prática Klimaquip, além de distribuidores regionais.